Guardiões do Templo nº 28 completa 15 anos.



BREVE HISTÓRICO DA BLS GUARDIÕES DE TEMPLO Nº 28

Consta que, no dia 07 de novembro de 2002 da E V, diversos IIr, MM MM ativos e regulares, solicitaram através de documento próprio, a graça do Ser Gr M da GLOMARON em autorizar a fundação de uma nova Loja Maçônica no Or de Porto Velho, em sessão a ser realizada no dia 13/11/2002 às 17 h, no Templo da Ben Loj Simb Quéops n° 11, com o intuito da Loja trabalhar no Rito Escocês Antigo e Aceito, tendo como objetivo o engrandecimento da Pátria, elevação intelectual de nossa gente e o progresso da Maçonaria Universal.

Naquele dia estiveram presentes no Templo da Loja Quéops n° 11 46 (quarenta e seis) IIr que foram os fundadores de nossa Loja.

Nesta mesma sessão, foi concedida pela GLOMARON, a Carta Constitutiva Provisória, passando a ser a Loja reconhecida como uma Loja Justa e Perfeita. A Loja Maçônica Guardiões do Templo n° 28 estabeleceu seu regular funcionamento de acordo com as leis maçônicas, conforme consta do seu estatuto social registrado em cartório local.

A instalação ocorreu em 21/11/2002, ocasião em que se tornou oficialmente filiada e regularizada junto à Sereníssima Grande Loja Maçônica do Estado de Rondônia – GLOMARON.

A carta Constitutiva definitiva foi emitida em 15/08/2003.

As assinaturas dos IIr fundadores apostas na ata de fundação datada de 13/11/2002 foram reconhecidas por sinal público pela Senhora Maria Cláudia Cordeiro Mesquita, escrevente-autorizada, em 27/06/2003.

Em 20/11/2002, no Templo da Ben Loj Simb Quéops n° 11, ocorreu a instalação do V M, Ir Luiz Guizelini. Seguiu-se toda a pompa da instalação. Foram cumpridas todas as formalidades e empossados as Luzes e os Oficiais eleitos pela loja. Na oportunidade o Eminente Gr M do GOER, Ir Euclides Sampaio Fróes, entregou ao Ir Guizelini, V\ M\ instalado, o livro de Ritual de Instalação. O G M Adj, I\ Cláudio Luiz do Amaral Santini entregou ao Ir Guizelini, o Diploma de Mestre Instalado, e assim foi confirmada sua posse como Primeiro V M da A R L S Guardiões do Templo n° 28, para o período de 11/2002 a 08/2003. Os IIr que utilizaram da palavra na ocasião, foram unânimes em enaltecer a firmeza e lealdade do Ir Guizelini com os ideais maçônicos.

A primeira sessão ordinária da Loja ocorreu em 12/12/2002 em sessão harmoniosa conduzida pelo Ir Guizelini que ao final ofereceu um coquetel de congraçamento entre os IIr.

Nosso estandarte foi idealizado pelos IIr Ciro Muneo Funada, José Barbosa de Lima e Juraci Ribeiro da Silva. A arte final teve a participação do Ir César Guimarães, do GOER.

Em 26/07/2008, nossa Loja aprovou o seu Regimento Interno.

Temos nosso próprio Hino que foi gentilmente criado pelo nosso Ir Raimundo Nonato da loja Suprema Razão n° 25 e atual presidente da Academia Maçônica de Letras de Rondônia.

Nesses 15 anos, tivemos os seguintes VV MM:

2002/2003 – Luiz Guizelini / Ciro Muneo Funada em razão do Ir ter passado para o Or Eterno;

2003/2004 – Juraci Ribeiro da Silva;

2004/2005 – Elpiniano de Souza Lopes;

2005/2006 - Elpiniano de Souza Lopes;

2006/2007 – Robson Raach de Oliveira França;

2007/2008 – Célio Lima Vieira;

2008/2009 – Evamar Mesquita de Figueiredo;

2009/2010 – Benedito Wilson Vernier Silva;

2010/2011 – José Abreu Lemos;

2011/2012 – Fabiano Emanoel Fernandes Caetano;

2012/2013 – Fabiano Emanoel Fernandes Caetano;

2013/2014 – Benedito Wilson Vernier Silva;

2014/2015 – César Luís Salles de Souza;

2015/2016 – César Luís Salles de Souza;

2016/2017 – Renato Fogaça;

2017/2018 – Renato Fogaça.

Filhos desta Loja, os seguintes IIr:

- Robson Raach de Oliveira França;

- Edson Pimenta de Sales;

- Efrain de Oliveira Grano;

- Nilo Corbari;

- Edmundo Marsal de Oliveira;

- Valentin Fondato;

- Fabiano Emanoel Fernandes Caetano;

- Jesus Pereira da Silva;

- Cláudio Santos Vacaro;

- Arnoldo Godoy Júnior;

- Ajuricaba Ferreira de Souza;

- André Costa Campelo;

- Evamar Mesquita de Figueiredo;

- Edson Luiz de Arruda;

- Everaldo Araújo da Silva;

- Antonio Rodrigues Prado;

- Gelcimar dos Santos;

- Pedro Alexandre Assis Moreira;

- Valdir Alves Neto;

- Alessandro de Souza Pinto Scultetus;

- Daniel Antônio de Castro;

- José Luiz Dianin Costa;

- Orlando Barbonaglia da Silva;

- Sávio Ricardo da Silva Bezerra;

- Alessandro Pestana Ramos;

- Leonardo Werneck de Carvalho.

Filiação dos IIr que reforçaram as CCol desta Oficina:

- Ciro Muneo Funada;

- Antônio Tadeu Moro;

- Eurico de Castro Arruda Neto;

- Ivaldo Ferreira dos Santos;

- Juraci Ribeiro da Silva;

- Elpiniano de Souza Lopes;

- Célio Lima Vieira;

- José Cavalcanti Carvalho;

- Emílio Sarde Neto;

- Rogério Gonçalves de Carvalho;

- Wilson Cezar de Carvalho;

- Benedito Wilson Vernier Silva;

- José Abreu Lemos;

- César Luís Salles de Souza;

- José Roberto de Castro;

- Renato Fogaça;

- Paulo Daniel Araújo Benito;

- Wanderlan da Costa Monteiro;

- Antonio Porphirio Pinto dos Santos;

- Walace Soares de Oliveira;

= Euildes Arcanjo da Silva;

- Madizon Muniz de Minas;

- Mikhael Ramez Esber;

- Edilberto Bezerra Lima.

QUADRO ATUAL DE OBREIROS

IRMÃO CADASTRO

- Alessandro Pestana Ramos - 2873

- Benedito Wilson Vernier Silva -1804

- César Luís Salles de Souza - 1401

- Daniel Antônio de Castro - 2271

- Edilberto Bezerra Lima - 1199

- Efrain de Oliveira Grano - 1563

- Elpiniano de Sousa Lopes - 1073

- Fabiano Emanoel Fernandes Caetano - 1735

- Madizon Muniz de Minas - 1287

- Orlando Barbonaglia da Silva - 2583

- Paulo Daniel Araújo Benito - 1504

- Renato Fogaça - 2013

- Robson Raach de Oliveira França - 1426

- Walace Soares de Oliveira - 2456

- Wanderlan da Costa Monteiro - 2358

- Wilson Cezar de Carvalho - 1459

PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DA LOJA GUARDIÕES DO TEMPLO

A loja tem se caracterizado ao longo destes anos pelo trabalho profícuo e salutar, com IIr que trazem ideias e críticas construtivas, algumas divergentes, mas que ao final convergem para o mesmo ideal através de debates com liberdade e muita fraternidade.

A loja soube manter durante esses anos todos, um relacionamento fraterno e real entre as lojas co-irmãs e de outras obediências maçônicas.

A loja não se cala diante daquilo que vai prejudicar ao grupo ou potência a que pertence e a sociedade como um todo.

Somos uma oficina onde todos aprendem juntos a compreender os desígnios do G A D U, despidos de vaidades e onde não prevalece a vontade de alguns, mas sim o da coletividade.

Nossa loja fez a opção pelo aprimoramento moral e espiritual, que se preocupa com o ensino da ritualística com ênfase em apresentação de trabalhos de pesquisas maçônicos, voltados ao conhecimento filosófico e humanístico que precisa ser alcançado.

A nossa Loja busca ampliar a capacidade dos obreiros e visitantes em desempenhar cargos com desenvoltura e correção.

É uma oficina humana que preza pelos valores humanos, desenvolve atividades filantrópicas dentro de sua filosofia, ou seja, mantém um apoio financeiro regular a entidades locais que trabalham os valores humanos como paz, retidão, não violência e amor fraternal, em especial à Associação Rondoniense de Ostomizados que vem recebendo de nossa Of contribuição mensal, resultante da Bolsa de Beneficência da 1ª Sessão do mês, desde outubro de 2007.

Nossa Loja vem também participando de ações sociais no “Dia das Crianças”, em conjunto com as Lojas Queóps n° 11 (2007 e 2008) e Defensores da Ordem n° 26 (2009 a 2017), com a distribuição de lanches, brinquedos e brindes diversos para a comunidade carente presente aos eventos realizados nestes 11 anos.

Enfim, nossa Loja é de pequenas dimensões e grandes obras de seus grandes e valorosos IIr, contando sempre com a apoio dos IIr visitantes.


0 visualização