Confraternização da Academia Maçônica de Letras de Rondônia.



Foi uma maravilha! Exclamou uma cunhada ao se despedir no final, referindo-se ao jantar festivo da AMLRO na terça-feira, 12, no restaurante Casarão do Peixe. Presença de expressivos maçons das duas Potências, com suas respectivas esposas, sobrinhos, sobrinhas e convidados, como do Eminente Grão Mestre do GOB-RO Ir.´. Juraci Jorge da Silva e o Past Grão Mestre Euclides Sampaio Fróes, bem como, representando a GLOMARON, o não menos valoroso Ir.´. Marco Antônio de Faria e a cunhada Srª Lourdes, sua agradável esposa.

Quando as cunhadas saem elogiando, a certeza do sucesso é inelutável. Em homenagem a elas, o presidente Nonato Melo declamou o tocante e inesquecível poema Receita de mulher, de Vinícius de Moraes, sacudindo o ânimo feminino e despertando o lirismo e as palestras alegres nas mesas. O ambiente agradável, preparado exclusivamente para o evento, com a simpatia do atendimento direto pelos proprietários e auxiliares, luz e distribuição de mesas floridas, além de variados pratos de peixes e carne tornaram o ambiente propício a longas conversas. Assim entre as cunhadas, que raramente têm oportunidade de se reverem, dado pertencerem seus maridos a Lojas e mesmo Potências diferentes, como entre os valorosos irmãos imortais, com assuntos a perder de vista. O tempo voou.

Na oportunidade, o presidente ainda apresentou algumas obras recentes de irmãos e convidado. Os IIr.´. Lima, Estácio, Nonato tiveram suas obras apresentadas, alusivas a primeira ao Batalhão de Engenharia do Exército, a segunda a Maria Madalena e do presidente o livro já largamente conhecido por irmãos de todo o estado e alhures, Duas palavras de Ordem.

LANÇAMENTO DE ROMANCE. Houve ainda prévio lançamento especial com exclusividade. Como surpresa da noite, foi apresentado à sociedade rondoniense afeita à arte e à literatura o ótimo romance ___________, de autoria do convidado de honra, escritor William Harverley Martins, ex-presidente da Academia de Letras de Rondônia e fundador da Academia Rondoniense de Artes, Ciências e Letras de Rondônia, de que compareceu ao evento também representando o presidente.

DISCURSO DA NOSSA ETERNA DAMA. Para abrilhantar ainda mais a noite, a convidada de honra, artista plástica renomada, escritora e abnegada lutadora pelos direitos artísticos e humanos em Rondônia Srª Rita Queiroz fez um breve discurso, com sua vozinha quase muda, açoitada pela idade e uma grave alergia que a afasta, beradeira como se apresenta, do que ela mais ama na existência: Porto Velho e comer peixe com farinha. “Senhores e senhoras, vamos lutar mais pela cultura, os escritores têm força! (...) E aquela vozinha bem distante e quase afônica, sendo da Rita, ecoou como um brado de resistência aos escritores e apreciadores da cultura, presentes.

O presidente Nonato agradeceu reiteradamente o apoio inequívoco do Sereníssimo Grão Mestre Aldino Brasil, que sempre vem envidando os esforços e estendendo a mão aos apelos e necessidades da Academia de Letras de Rondônia, sendo um professor que é e afeito aos livros; no mesmo peso e diapasão, o Eminente Grão Mestre Ir.´. Juraci, que inclusive foi um dos patrocinados do evento, através do Grande Oriente do Brasil em Rondônia.

“A Academia de Letras de Rondônia fecha assim, com chave de ouro, os trabalhos no exercício de 2017, rogando ao G. A. D. U. proteção a todos os irmãos maçons de nosso estado, e força à literatura e à cultura, sempre”, concluiu o eminente Ir.´. Nonato Melo.


0 visualização